gtag('config', 'UA-149275995-1');

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

Gestor do Museu da Indústria é eleito presidente da Câmara Setorial da Economia Criativa



O gestor do Museu da Indústria, Luis Carlos Sabadia, foi eleito, no dia 26/11, presidente da Câmara Setorial da Economia Criativa da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece). A Câmara foi criada há menos de dois anos, como parte de uma das propostas listadas no planejamento das Rotas Estratégicas Setoriais 2025, uma ação conjunta da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), por meio do Observatório da Indústria, com o Sebrae. Também integram a diretoria da Câmara o vice-presidente Allyson Reis, e a secretaria-executiva, Kadma Marques.


Para Luis Sabadia, a eleição representa um voto de confiança e de continuidade das ações traçadas. “Para uma área da economia que avança mundialmente, e que, para nós, ainda é de desconhecimento de muitos, falar, estudar, propor, planejar a Economia Criativa no Ceará, é olhar para o futuro, para uma indústria onde os processos de pensar e criar produtos tenham as mentes cearenses em todas as etapas. Que possamos descobrir e utilizar nossa criatividade na buscar de novos negócios, que possamos buscar o entendimento que a nossa diversidade cultural e ambiental é um grande ativo que necessitamos valorizar”, ressaltou o gestor.

Fiscal

O TSE vai auditar prestações de conta de vários candidatos a prefeito em todo o país. Desconfiam que muitas campanhas foram registradas para lavar dinheiro. Descobriram dinheiro do Bolsa Família e do Auxílio Emergencial como doação de campanha. Os valores ultrapassam R$ 3 milhões .

Vacina

Está na mesa do governador Camilo Santana o relatório esclarecedor sobre as pesquisas das vacinas em fase de conclusão de testes. A ideia dos governadores é desvincular o interesse político ao processo de compra e vacinação contra o coronavírus. 


Ricardo Cavalcante

O presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante, marcou um gol de placa. Além de unir a FIEC em torno de projetos como a duplicação da CE 155, principal acesso ao Porto do Pecém, uniu todas as instituições do Sistema "S". O ministro Paulo Guedes insiste em reduzir os recursos para o sistema e a união de todos fortalece as entidades. Atualmente, o corte é de 50%.

Walter Cantídio

O reitor da UFC, Cândido Albuquerque, negou que pretenda desativar o Hospital Walter Cantídio. "Nunca pensei fazer tamanha loucura", disse. O reitor pretende criar uma ala de pesquisas no hospital filantrópico do Dr. Cabeto, que recebeu recursos do MEC. O negócio está fechado.

Ivo Gomes

Reeleito prefeito de Sobral, Ivo Gomes já viabiliza uma promessa de campanha: a construção de um hospital municipal. O município tem uma das melhores coberturas da área de saúde e, ainda, o melhor desempenho na educação.

Mesa da Assembleia

Passada a temporada da campanha eleitoral, com os prefeitos eleitos conhecidos, deputados estaduais miram a sucessão na Assembleia Legislativa. Dia 15 de dezembro, será conhecida a nova Mesa Diretora. A previsão é de que haja consenso.

Recado das urnas mostra cenário preocupante para Lula e Bolsonaro

O domingo, 29, marcou o encerramento das eleições municipais no Brasil. Ao mesmo tempo, foi dada a largada para a pré-campanha presidencial de 2022. Além da difícil prova das urnas, está desenhado o cenário para o enfrentamento entre os líderes de  centro, centro-esquerda, centro-direita e as esquerdas. O eleitor definiu, muito bem,  o ambiente político que estaremos acompanhando até o próximo encontro com as urnas.

O PT, liderado pelo ex-presidente Lula, foi praticamente dizimado nas capitais e grandes municípios, com o eleitor exibindo, claramente, a repulsa aos erros cometidos pelas suas lideranças. Foi uma punição. A maior derrota é da cúpula petista, ao tentar impor candidatos e inviabilizar alianças de esquerda em quase todo o território nacional.

As lideranças de centro-direita e a direita foram isoladas pelo eleitor. Líder da direita no país, o presidente Bolsonaro acabou derrotado. O eleitor lhe impôs sinalização e alerta: é preciso governar, cuidar da Nação, gerar emprego e renda e olhar melhor para as áreas da saúde, educação e infraestrutura. O projeto de reeleição do presidente Bolsonaro precisará ser recalculado, para ganhar vigor e popularidade. Ele está olhando para o sinal amarelo, de advertência.

A nova centro-esquerda ou esquerda moderna,  batizada assim pelos gurus da intelectualidade política, saiu vitoriosa, dividindo o troféu com partidos de centro. No novo normal, a aposta foi mais no currículo de serviço prestado, na percepção de escolher quem se connhece, com ou sem pecados.

Claramente, o eleitorado, na perspectiva de errar menos, atropelou figurões e saiu do plano de reforçar, ao máximo, a aposta feita em 2018. A campanha de tiro curto, levou a população a perceber esse cenário de não arriscar. 

O pré-candidato Ciro Gomes foi o maior vencedor da eleição. Ficha limpa, popular, fez campanha em todo o país, nos palanques, caminhadas, carreatas e adesivaços, respeitando protocolos de combate ao coronavírus. Seus prováveis adversários desapareceram, correram dos palanques. Bolsonaro ainda ensaiou apoiar um seleto grupo de candidatos, mas isso destruiu candidaturas. No segundo turno, o presidente da República sumiu. Ficou batendo boca com seu espelho, no Alvorada. A maior derrota foi no Rio de Janeiro, sua base política. Lula fez algumas aparições, suficientes para dissolver candidaturas nas grandes cidades. No Ceará, as duas apostas dele foram Luizianne (Fortaleza) e o deputado Elmano Freitas (Caucaia). Ambos ficaram no 1° turno. Grande parte do PT apoiou adversários ou silenciou.

O último pretendente ao Palácio do Planalto em 2022, o governador paulista João Dória, se deu bem no interior paulista. Praticamente, assegurou a reeleição. Mas, quer bem mais. Pretende morar em Brasília. Dória apoiou Covas, mas usou um esconderijo para trabalhar esse adesão. O desgaste tirou o vigor da avaliação de Dória.

No período do novo normal, o eleitor fez alertas, indicou prováveis apostas para o futuro e disse claramente que pretende um país mais justo e produzindo energia política positiva.

Tony Brito efetivado na Assembleia Legislativa


O presidente do Sindicato dos Policiais Civis, Tony Brito,  assume, antes da virada do ano, o mandato de deputado estadual na Assembleia Legislativa do Ceará. Ele ocupará a vaga do deputado Vitor Valim, eleito prefeito de Caucaia. 


 Tony Brito é primeiro suplente da coligação liderada pelo PROS.  Em 2020, assumiu temporariamente o mandato com a licença do deputado soldado Noélio.

Oposição unida vence disputa em Caucaia

                                                                                              Uma união da oposição, com Vitor Valim (PROS) à frente, tendo ao seu lado Emília Pessoa, Sílvio Nascimento e Natércia Campos, foi vitoriosa na disputa em Caucaia. 

Apesar da vitória, com larga vantagem no 1º turno de Naumi Amorim (PSD), o cenário em Caucaia mudou com a união de quase todos os candidatos que eram oposição.

A união da oposição e o flagrante de R$ 600 mil, na tarde de sábado, com a detenção do irmão de Naumi e alguns secretários foram fatores determinantes para a vitória de Vítor Valim no segundo turno.

Roberto Cláudio construiu candidatura ao governo em 2022

O prefeito Roberto Cláudio foi o grande vencedor. Colecionou três vitórias. Se elegeu prefeito em 2012, foi reeleito em 2016 e fez seu sucessor, o deputado Sarto, aliado forte e seu amigo, que será o prefeito da capital cearense a partir de 1º de janeiro. 

O senador Cid Gomes, após acompanhar o voto de Sarto, sabendo da eventual vitória, apontou Roberto Cláudio como futuro candidato ao governo do Ceará em 2022. Ciro, na sua nota, praticamente estabeleceu o mesmo discurso, ao enaltecer o papel de Camilo e Roberto Cláudio na campanha vitoriosa de Sarto.

Ciro vibra com vitória de Sarto e desabafa contra “bolsonarismo”

O pré-candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, se manifestou sobre o resultado da eleição em Fortaleza, através das redes sociais. “A sociedade civil de Fortaleza salvou nossa cidade do bolsonarismo corrupto e vencido”. A declaração de Ciro mostra o nível da disputa e o risco político que seu grupo corria em Fortaleza. 

Ciro reconhece o valor dos aliados. “Roberto Cláudio e Camilo nos lideraram nessa luta”, escreveu Ciro, reconhecendo a força do governador e do prefeito Roberto Cláudio na campanha.

Sarto faz primeiro gesto

O prefeito eleito de Fortaleza, José Sarto, deu sinais claros sobre seu plano político para tocar nos próximos quatro anos a capital cearense.  “Serei prefeito de todos”, afirmou. 

A declaração de Sarto teve como alvo a Câmara de Vereadores.  Roberto Cláudio que entrega a cidade em janeiro pode ajudar muito na tarefa de ampliar a base do governo no legislativo municipal.

Vitória da abstenção

A abstenção venceu os candidatos vitoriosos de norte a sul do Brasil. A Covid 19 foi responsável pela decisão do eleitor de evitar ir até a seção eleitoral. Os especialistas apontam, também, como causa a péssima qualidade dos candidatos. 

No Rio de Janeiro, Porto Alegre e em São Paulo , os prefeitos eleitos têm menos votos que as abstenções em média de 35%.

Derrota no Congresso Nacional: apenas 11 dos 70 deputados e senadores conseguiram vitória na disputa eleitoral

A eleição municipal foi cruel com o Congresso Nacional, que  exibiu o pior desempenho dos parlamentares na história das disputas eleitorais. No total, só 11 dos 70 deputados e senadores na disputa em 2020 conseguiram a vitória.

"Sou o prefeito de todos e de todas", afirma Sarto

Com 51,69% dos votos, José Sarto (PDT) foi eleito prefeito de Fortaleza na noite deste domingo (29). Após oficialização do resultado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o pedetista concedeu entrevista coletiva no Comitê Central, no Cocó, onde afirmou que será o prefeito de todos e de todas, e trabalhará para pacificar a Cidade. 

"Eu estou muito feliz porque Fortaleza acolheu a nossa mensagem de união e pacificação. Quero dizer que agora sou o prefeito de todos e de todas, não há diferenças. A minha mensagem é de pacificar e de construir uma cidade mais justa, igual, inclusiva, humana, moderna, para todos e todas", assegurou. 

Em números absolutos, Sarto obteve 668.652 votos. Ele agradeceu a Deus, à família, aos partidos e às pessoas que estiveram ao seu lado durante toda a campanha.

"A eleição acabou hoje. Vamos construir agora um processo de pacificação, tirar espinho do coração de quem tem espinho no coração. Agora vamos construir uma cidade de todos nós, uma Fortaleza melhor. Muito obrigado, Fortaleza", comemorou. 

Durante a coletiva, Sarto enfatizou a alegria de ter sido escolhido pelos fortalezenses. "Estou muito feliz por, neste momento, traduzir o sentimento da sociedade, de partidos e pessoas que me trouxeram até aqui. Podem ter certeza absoluta que vou dedicar o melhor da minha modesta experiência, da minha competência, e observar o time que temos. Temos um time que sabe fazer. Vamos ouvir a todos e a todas para avançar", afirmou.

De acordo com o prefeito eleito, a transição já começa amanhã. Ele explicou que conversará com o prefeito Roberto Cláudio e em breve anunciará a equipe. 

Sarto também voltou a afirmar que 2021 trará muitos desafios e, logo que assumir, trabalhará com três prioridades: a geração de emprego e renda, a garantia de vacinação para todos priorizando grupos de risco e o retorno seguro às aulas com a recuperação do calendário escolar. 

domingo, 29 de novembro de 2020

Ressonância magnética do IJF 2 começa a ser instalada neste domingo

O IJF 2, prédio anexo ao Instituto Doutor José Frota (IJF), recebeu, neste domingo (29), a primeira Ressonância Magnética da rede pública municipal.

O equipamento é de grande importância para o diagnóstico clínico por exames de imagem e, além de atender os pacientes do maior hospital do Ceará, também acolherá os usuários do sistema de saúde da Prefeitura de Fortaleza. 

A previsão é de que o equipamento entre em operação nos próximos 45 dias, após a complementação da montagem, calibragem e testes necessários para o seu perfeito funcionamento.

Para o transbordo das peças, que pesam cerca de cinco toneladas, foi necessária a instalação de um guindaste na Rua Barão do Rio Branco e, por conta disso, o trânsito de veículos no trecho entre a Rua Antônio Pompeu e a Avenida Domingos Olímpio foi parcialmente bloqueado. 

O acesso à Emergência e o atendimento aos pacientes seguiram funcionando normalmente.

Novo IJF 2

A expansão das áreas de atendimento e modernização do parque tecnológico do IJF fazem parte do Programa Juntos por Fortaleza, uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura Municipal, que só no hospital soma R$ 74 milhões em investimentos. No último mês de setembro foram concluídas as obras do Novo IJF 2, com a abertura do quinto e último pavimento do prédio, inaugurando 30 novos leitos em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), ampliando de 33 para 63 o número de vagas.

Em funcionamento gradativo desde 2018, o Novo IJF 2 conta com um total de 13.237m² de área construída, o que permitiu a criação de 203 novos leitos, que, somados aos 461 do prédio principal, totalizam 664 leitos, transformando o Instituto Doutor José Frota no maior complexo hospitalar do Ceará e um dos maiores do País em capacidade de acolhimento. 

O novo Centro Cirúrgico, em funcionamento desde o mês de fevereiro deste ano, ampliou de 11 para 20 o número de salas para procedimentos, possibilitando a realização de 1.700 cirurgias por mês. O o prédio do IJF2 é interligado por passarelas e também conta com estacionamentos e praça de convivência.

Instituto Doutor José Frota (IJF)

O Instituto Doutor José Frota (IJF), primeiro pronto socorro da Prefeitura de Fortaleza, instituído em 1936 como Assistência Municipal, é referência no socorro às vítimas de traumas de alta complexidade, lesões vasculares graves, intoxicações agudas, queimaduras e ingestão ou aspiração de objetos estranhos. Todos os meses, a Emergência do hospital acolhe aproximadamente seis mil novos pacientes, vítimas principalmente de quedas, ocorrências de trânsito, queimaduras por líquidos quentes, acidentes com animais peçonhentos e engasgo. Além de contar com um renomado quadro de funcionários, com mais de vinte especialidades médicas em plantão 24 horas, o IJF também é um hospital escola, responsável pela formação de profissionais em diversas áreas da saúde, como medicina, enfermagem, psicologia, fisioterapia, serviço social e odontologia. Instituto Doutor José Frota (IJF).

O Instituto Doutor José Frota (IJF), primeiro pronto socorro da Prefeitura de Fortaleza, instituído em 1936 como Assistência Municipal, é referência no socorro às vítimas de traumas de alta complexidade, lesões vasculares graves, intoxicações agudas, queimaduras e ingestão ou aspiração de objetos estranhos. Todos os meses, a Emergência do hospital acolhe aproximadamente seis mil novos pacientes, vítimas principalmente de quedas, ocorrências de trânsito, queimaduras por líquidos quentes, acidentes com animais peçonhentos e engasgo. Além de contar com um renomado quadro de funcionários, com mais de vinte especialidades médicas em plantão 24 horas, o IJF também é um hospital escola, responsável pela formação de profissionais em diversas áreas da saúde, como medicina, enfermagem, psicologia, fisioterapia, serviço social e odontologia.

Lei que favorece servidores estaduais em concurso é inconstitucional, diz STF

A lei estadual que prevê que funcionários estaduais com mais tempo de serviço tenham preferência na hora de preencher vaga de concurso público em caso de empate é inadequada, pois viola a igualdade e a impessoalidade e não atende ao interesse público, estabelecendo favorecimento injustificado e desproporcional.

Ministro Barroso afirmou que a norma não assegura a seleção dos mais experientes, pois privilegia servidores estaduais apenas

Com esse entendimento, o Plenário virtual do Supremo Tribunal Federal declarou inconstitucional dispositivos da Lei 5.810/1994 do estado do Pará. A decisão confirma a liminar que suspendeu a vigência das normas, ainda em 2015. O julgamento foi encerrado na sexta-feira (27/11).

Relator, o ministro Luís Roberto Barroso explicou que a Constituição visa conferir efetividade aos princípios da isonomia e da impessoalidade nos concursos públicos. Assim, a imposição legal de critérios de distinção entre os candidatos é admitida tão somente quando acompanhada da devida justificativa. Não é o caso dos autos, no entanto.

"O ato normativo impugnado não assegura a seleção de candidatos mais experientes, como alega a parte autora. Ao contrário, possibilita que um candidato mais experiente, proveniente da administração pública federal, municipal ou, ainda, da iniciativa privada, seja preterido em prol de um servidor estadual com pouco tempo de serviço, desde que pertença aos quadros do estado do Pará", apontou o relator.

"Portanto, a medida é inadequada para a seleção do candidato mais experiente, viola a igualdade e a impessoalidade e não atende ao interesse público, favorecendo injustificada e desproporcionalmente os servidores estaduais", acrescentou.

Ficou vencido o ministro Marco Aurélio, para quem o critério de antiguidade no serviço público e idade são razoáveis para definir o desempate da pontuação. O princípio da isonomia não inviabiliza que o estado adote critério próprios sobre direitos dos servidores, tendo em vista as peculiaridades locais.

"Os preceitos impugnados disciplinam critérios objetivos, aplicáveis de modo linear aos concorrentes. Não encerram tratamento diferenciado em descompasso com os princípios republicano e democrático, a formarem base de um sistema destinado à garantia de concorrência aberta, plural e em condições de igualdade a cargos públicos", apontou o decano do STF.


“Vamos colher o fruto de quatro anos de trabalho”, afirma Capitão Wagner

Em coletiva de imprensa, o candidato à Prefeitura de Fortaleza, Capitão Wagner, colocou-se confiante a respeito do resultado do segundo turno das eleições em Fortaleza. “Hoje, nós vamos colher os frutos de quatro anos de trabalho. A gente se preparou para essa eleição como ninguém. A gente sabia que iría enfrentar diversos adversários. O dólar na cueca surge de novo”, criticou o candidato

Capitão Wagner votou por volta das 10 horas, no Colégio Máximos, na Parquelândia. Ao lado do candidato estavam sua esposa, Dayany Bittencourt, sua vice Kamila Cardoso e o senador Eduardo Girão. “A gente sabe que a gente está enfrentando o Poder Econômico do Estado, diversas máquinas, mas o povo está muito consciente das consequências que tudo isso gera no dia a dia”, afirmou.

O candidato também destacou o seu crescimento na reta final, no tocante ao resultado da última pesquisa DataFolha. “A pesquisa comprova o crescimento da nossa candidatura na reta final e uma certa queda do adversário. Vamos ter surpresa”, disse o candidato. 

Visita aos Colégios Eleitorais

Ao lado de aliados, Capitão Wagner visitou, ainda pela manhã, o Colégio Liceu do Ceará e acompanhará o senador Eduardo Girão a votar no Labomar, na Avenida Abolição, Meireles e a sua vice, Kamila, na Fanor, no bairro Cidade 2000.

Sarto vota na Apae e reafirma defesa da democracia e de uma Fortaleza mais inclusiva, justa e humana

O candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza, José Sarto, votou na manhã deste domingo (29) na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), na avenida Rogaciano Leite. Em coletiva de imprensa, ele afirmou que este domingo representa a defesa da democracia e de uma Fortaleza mais inclusiva, mais justa, mais humana. Sarto também reforçou o desejo de retribuir todo o carinho que sempre recebeu de Fortaleza, liderando o projeto de uma cidade cada vez melhor. 

"Quero retribuir para Fortaleza todo o carinho, todo o amor que ela me deu, porque cheguei aqui muito cedo. Fui bem recebido por essa cidade e tenho um débito de gratidão para com ela. Eu cresci na periferia. Conheço muito Fortaleza. Se eu tiver a oportunidade de ser o seu prefeito, pode ter certeza que vou dar o melhor do meu coração, do meu sentimento para continuar os avanços que esse prefeito fez, o maior prefeito da história de Fortaleza, Roberto Cláudio", destacou. 

Sarto chegou ao local de votação acompanhado da família, do governador Camilo Santana (PT), do senador Cid Gomes (PDT), do prefeito Roberto Cláudio (PDT) e de outras lideranças partidárias que compõem a aliança. "Nossa candidatura reuniu essas pessoas que amam Fortaleza, uniu partidos que reúnem o seu sentimento por Fortaleza", enfatizou, acrescentando que pretende traduzir "uma Fortaleza que dialoga, que respeita". 

Sarto registrou que 2021 trará imensos desafios, mas, se for eleito, terá três prioridades: a geração de emprego e renda, a garantia de vacinação para todos, priorizando grupos de risco, e o retorno seguro às aulas com a recuperação do calendário escolar. 

Garantia de conquistas

De acordo com Camilo Santana, Sarto é o melhor nome para governar Fortaleza. "Sarto tem time, um time que tem conquistado importantes vitórias para Fortaleza, através da gestão do prefeito Roberto Cláudio, pelas parcerias. E Sarto representa isso, representa a segurança, a certeza e a garantia da continuidade do trabalho e também da continuidade das parcerias entre o Estado e a Prefeitura", afirmou. 

Segundo o senador Cid Gomes, Fortaleza está dando uma lição de democracia, com um pleito tranacorrendo tranquilidade. "Se Deus quiser, vamos escolher o melhor para Fortaleza", registrou.

Vitor Valim vota ao lado da família e aliados

O candidato à Prefeitura de Caucaia Vitor Valim (PROS) votou em uma escola pública no bairro Icaraí, por volta das 10h30 deste domingo (29). 

Ao lado da esposa e dos filhos, o candidato da coligação 100% Caucaia cumprimentou apoiadores e, também, atendeu à imprensa. “A nossa coligação representa a libertação da nossa cidade, e de uma população que cada vez mais quer ser livre dos bandidos da política e das facções. Queremos uma Caucaia de paz.”

Emilia Pessoa (PSDB), terceira colocada no primeiro turno e o candidato a vice da chapa Deuzinho Filho (Republicanos) também acompanharam Vitor durante a votação. Valim falou também sobre as denúncias de compra de votos envolvendo a coligação do atual prefeito e candidato à reeleição Naumi Amorim (PSD) onde a polícia apreendeu mais de R$ 600 mil em espécie: 

“Eu fico muito triste ao ver que tentam comprar a consciência do cidadão com dinheiro sujo, desviado da merenda escolar, da saúde e da população de Caucaia”, lamenta o candidato.

Cid lança Roberto Cláudio para sucessão de Camilo

O senador Cid Gomes acompanhou o candidato Sarto até a seção onde vota. Sarto vota na APAE, próximo ao prédio da Câmara de Vereadores.

A imprensa abordou o senador Cid sobre a votação de hoje e a sucessão estadual. “O Sarto é o melhor para Fortaleza, é aberto ao diálogo, dará sequência ao projeto executado na gestão Roberto Cláudio. É nome importante para suceder o Camilo”, afirmou Cid, ao agradecer a população de Fortaleza.

Delegados negam Bolsonaro

Em Belém, no Pará, dois delegados de polícia disputam a Prefeitura. Edmilson Rodrigues (PSOL) têm 58% É Delegado Eguchi (Patriota), 42%. O candidato do PSOL não fala em apoio de Lula e o do Patriota nega o bolsonarismo.

Ciro lamenta fim do Ministério do Trabalho

O pré-candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, mesmo envolvido em 35 campanhas pelo Brasil, não deixa em paz o governo do presidente Bolsonaro. Ele disse, ao lembrar que o Ministério do Trabalho completaria 90 anos neste mês de novembro, que o governo quer acabar com o emprego. 

Ciro revelou que mais 12% dos empregos sumiram nos últimos meses. “Esse governo genocida trabalha para que o trabalhador não tenha mais direitos”. 

Black Friday esticada

A sexta-feira de promoções foi esticada pelos lojistas. O sucesso nas vendas proporcionou ânimo para ampliar os dias de promoção. 

As vendas vão continuar em alta, segundo previsões da Fecomércio do Ceará. 

Todos os shopping de Fortaleza e as lojas de rua batem recordes de vendas. 

A expectativa dos lojistas é emendar a Black Friday esticada com as vendas de dezembro. O crescimento previsto é de 10%.

As pesquisas

Perguntado sobre as pesquisas, que anunciaram sua derrota por 21% de diferença para o candidato Sarto (61%,), Capitão Wagner(39%) foi rápido na resposta: “Vanos aguardar a abertura das urnas”. 

O DataFolha e o Ibope, no prognóstico divulgado neste sábado, apontam vitória de Sarto, com ampla maioria dos votos.

Exército na rua

O eleitor de Fortaleza, ao sair de casa neste domingo, 29/11, terá mais uma vez a companhia do Exército nas ruas. O pedido foi feito pelos partidos de oposição em Fortaleza e Caucaia. 

Serão 1.200 homens do Exército e da Força Nacional. O TSE não informou o custo. O comando da PM acha desnecessário.

Covas esconde Doria

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), não dormiu de ontem para hoje. Tem 6% de vantagem sobre o adversário Guilherme Boulos (PSOL).

Para não tomar a virada e sair derrotado, escondeu o apoio do governador João Dória, que tem 55% de reprovação na capital paulista. Covas tem medo do eleitor desconfiar que ele e João Dória são amigões.

Traidores

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivela, está creditando sua derrota a um grupo de traidores. 

Contrário ao carnaval, aos subsídios aos músicos e ao debate sobre preservativo e inimigo dos cantores, não conseguiu combater o Covid 19 e, principalmente, se tornou inimigo da imprensa, cortando verbas de publicidade. 

Crivela se tornou, inclusive, inimigo da Globo, a quem acusa de ter assaltado os cofres da Prefeitura Fez tudo errado. Pode sofrer a maior derrota do país.

UFC fortalecida


O reitor da UFC, Cândido Albuquerque, está comemorando o relatório que coloca 14 pesquisadores da instituição entre os mais influentes do mundo. 

Cândido, recentemente, fechou com o Governo do Ceará, parceria para liderar projetos de pesquisa na área do Pecém. O prestígio do reitor está em alta.

Confira o que é permitido neste domingo de votação para prefeito

* É permitido a manifestação individual e silenciosa da preferência do eleitor por partido político, coligação ou candidato.

* O eleitor pode usar bandeiras, broches, dísticos, adesivos e camisetas.

* A manifestação deve ser “individual e silenciosa” isso significa que ele não pode se juntar com outras pessoas que também estejam com roupa ou acessórios que indiquem apoio a algum partido, coligação ou candidato.

* O eleitor pode levar para a cabine de votação uma “cola” (lembrete) com o número do candidato escolhido.

* É permitido que, nos crachás dos fiscais partidários, nos trabalhos de votação, só constem o nome e a sigla do partido político ou da coligação a que sirvam, sendo vedada a padronização do vestuário.

* É permitido a manutenção da propaganda que tenha sido divulgada na internet antes do dia da eleição, podendo ser mantidos em funcionamento as aplicações e os conteúdos publicados.

Saiba o que o eleitor não pode no dia da votação:

* A divulgação de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos.

* Aglomeração de pessoas portando vestuário padronizado ou instrumentos de propaganda; caracterização de manifestação coletiva e/ou ruidosa; abordagem, aliciamento, utilização de métodos de persuasão ou convencimento; e distribuição de camisetas.

* Uso de alto-falantes, amplificadores de som, comício, carreata e qualquer veículo com jingles;

* O derrame de material impresso no local de votação ou nas vias próximas, ainda que realizado na véspera da eleição;

* A publicação de novos conteúdos ou o impulsionamento de conteúdo na internet, podendo ser mantidos em funcionamento as aplicações e os conteúdos publicados anteriormente.

sábado, 28 de novembro de 2020

Ceará registra expansão de 16,4 mil empregos em outubro e divide 1º lugar com a Bahia em geração de postos de trabalho no Nordeste

Com uma crescente na geração de empregos desde julho de 2020, o Ceará registrou, em outubro, a abertura de 16.436 postos de trabalho. O resultado coloca o estado na liderança do ranking Nordeste de geração de emprego, junto com Bahia e Pernambuco.

Com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), o resultado, divulgado pelo Ministério da Economia, atesta que outubro foi mais um mês com maior número de admissões, com 42.760 postos, do que demissões, com 26.324 vagas.

O secretário do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet), Maia Júnior, comenta que o momento é muito promissor, pelo resultado apresentado desde o início da pandemia.

Em visita à Praça do Ferreira, Sarto defende união, diálogo e garantia de conquistas para Fortaleza



O candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza, José Sarto, cumpriu agenda de campanha na Praça do Ferreira, no Centro, na manhã deste sábado (28). Acompanhado do prefeito Roberto Cláudio (PDT) e do candidato a vice, Élcio Batista (PSB), Sarto propôs aos fortalezenses uma reflexão sobre qual projeto melhor representa a união, o diálogo e a democracia. 


"A nossa ideia é levar a nossa proposta de união por Fortaleza. E estou pedindo às pessoas que querem o bem de Fortaleza, que querem a preservação das conquistas feitas até agora e avançar, que quando for votar, vote Sarto 12, porque nós representamos essa capacidade de dialogar e de unir as pessoas", garantiu.


Segundo ele, neste momento, é fundamental que se faça um grande debate para preservar a democracia, contra a intolerância, contra a exclusão, contra o ódio. "Nossa expectativa é fazer uma campanha ética, respeitando o adversário e também que ele nos respeite, e respeite a população. Façamos um debate democrático, aqui não é um ringue, não é uma arena", defendeu. 


Sarto destacou o trabalho realizado por Roberto Cláudio na Capital, uma gestão bem avaliada pela população. "É fundamental, é um grupo que tem uma prestação de contas a fazer e está fazendo, e a população reconhece como positivo", enfatizou. 


Durante a atividade, Sarto cumprimentou eleitores, que manifestaram apoio à candidatura. O advogado Rudá Carvalho, 36, estava na Praça do Ferreira neste sábado, vestindo a camisa do candidato. "Primeiro, porque ele representa a continuidade da atual gestão de excelência e sucesso em Fortaleza, herança do Roberto Cláudio. Aliado a isso, o Sarto tem a experiência necessária pra cuidar do nosso povo", afirmou. 


Para a empresária Lilian Cavalcante, 28, Sarto é o mais preparado para governar a Cidade. "Ele é o melhor que Fortaleza pode ter como prefeito. Ele vai continuar todo o projeto do PDT, um projeto que representa todos aqueles que desejam uma Fortaleza desenvolvida e não atrasada. O que há de melhor para Fortaleza não pode parar", defendeu. 


Lilian lamenta que a campanha do adversário esteja sendo agressiva e pouco propositiva, o que entende como desespero. "Eleição tem que ser feita com debate, não com violência e agressão a posicionamento diferente", defendeu.

Ibope: Sarto tem 61% e Wagner 39% dos votos válidos

O segundo levantamento do Ibope para a Prefeitura de Fortaleza neste segundo turno, divulgado na manhã deste sábado (28/11), aponta José Sarto (PDT) com 61% dos votos válidos, conta 39% de Capitão Wagner (Pros). Em relação ao primeiro levantamento, o pedetista oscilou um ponto percentual para cima, enquanto o candidato do Pros oscilou um ponto para baixo.

A pesquisa foi encomendada pela TV Verdes Mares e registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com o número CE-06026/2020. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

O Ibope ouviu 805 eleitores entre 26 e 27 de novembro. O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral.

Campanha Salvando Vidas doa cerca de 9 toneladas de alimentos a Instituições que prestam assistência a famílias em situação de vulnerabilidade social


A Campanha Salvando Vidas - uma iniciativa do empresariado cearense e de setores da sociedade civil, encabeçada pela Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), em parceria com a Fecomércio-CE e a CDL de Fortaleza - entregou nesta sexta-feira (27/11) cerca de 9 toneladas de alimentos a cinco Instituições que prestam assistência a famílias em situação de vulnerabilidade social, em Fortaleza e Maracanaú. Foram doadas, ao todo, 966 cestas básicas que irão beneficiar famílias impactadas pela crise provocada pela pandemia de Covid-19.   

As Instituições beneficiadas foram: Fundação Terra, Associação Centro de Apoio ao Menor (Aceame), Associação Voar, Igreja Presbiteriana da Aldeota - Resgate Bom Samaritano e Mitra Arquidiocesana de Fortaleza. 

A Fundação Terra, localizada no bairro Alto Alegre II, em Maracanaú, foi a primeira entidade a receber as doações. Com 600 famílias cadastradas, a Fundação é a única entidade assistencial da região e mantém, por meio de doações, uma creche que atende 135 crianças de 6 meses a 3 anos e um centro de convivência onde realiza diversas atividades, que vão desde esportes até cursos profissionalizantes para toda a comunidade. A Fundação recebeu 300 cestas básicas. 

O assistente social da fundação, Gleidson Morais, afirma que a pandemia trouxe muitos desafios, mas também muita colaboração de pessoas interessadas em ajudar a quem mais precisa. “O mundo parou por conta da pandemia, mas a fome não para. As doações da campanha Salvando Vidas irão fazer a diferença na vida dessas pessoas. A gente recebe relatos de mães e pais que deixam de comer para dar o pouco que têm aos filhos. Tem famílias que fazem somente uma refeição por dia. Então essas cestas básicas irão ajudar muito. Agradecemos à FIEC e a todos que formaram essa rede de solidariedade”, declarou.

A Associação Centro de Apoio ao Menor (Aceame), que há 32 anos desenvolve um trabalho social no bairro Edson Queiroz, em Fortaleza, foi outra Instituição beneficiada com 240 cestas básicas. O diretor administrativo da entidade, Alisson Andrade, conta que a pandemia fez muitas pessoas da comunidade perderem o emprego ou a renda que tinham e passam dificuldades para alimentar a família.

“As doações da campanha Salvando Vidas são um alento em meio a essa crise que as famílias beneficiárias do nosso projeto estão passando. Estamos muito gratos e as famílias também. Ainda hoje essa comida chega à mesa das pessoas”, disse. A Aceame também vive de doações e de trabalho voluntário. Atende cerca de 300 famílias com atividades direcionadas a crianças e adolescentes, como capoeira, informática, balé, teatro, entre outras.  

Desde o início da pandemia, em meio a tantas incertezas, o presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante, encabeçou a campanha junto ao empresariado cearense, buscando arrecadar fundos para o combate à pandemia. Assim, FIEC, Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Ceará (Fecomércio), a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Fortaleza, empresários de diversos setores e a sociedade civil estão juntos na Campanha Salvando Vidas Covid-19. Todo o recurso arrecadado foi investido em aquisições de equipamentos e insumos hospitalares, além de alimentos para minimizar as consequências sociais geradas pela pandemia.

Governo do Ceará envia à Assembleia projeto que torna Auxílio-Catador política permanente

Uma das ações de grande impacto adotada durante este período de pandemia pelo Governo do Ceará, o Programa Auxílio-Catador deve se tornar política permanente de Estado.

Nessa quinta-feira (26) o governador Camilo Santana enviou para a Assembleia Legislativa projeto de Lei com este objetivo, beneficiando, neste primeiro momento, 1.342 catadores e catadoras de materiais recicláveis de 48 associações em 41 municípios.

Duas parcelas já foram pagas e na próxima segunda-feira (30) serão realizados os repasses referentes aos meses de setembro e outubro. Também serão entregues os cartões para aqueles que ainda não os receberam.

Exército colocará 1.200 homens nas ruas de Fortaleza e Caucaia para garantir eleição


No início da tarde desta sexta-feira (27), foi divulgado que a 10ª Região Militar deliberou a presença de tropas federais no segundo turno das eleições no Ceará, que acontecem em Fortaleza e Caucaia, no próximo domingo (29).

Ao todo, serão empregados um efetivo de cerca de 1.200 militares, atendendo ao todo 20 zonas eleitorais nos dois municípios.

Após a autorização do presidente da República sobre o emprego das Forças Armadas na Garantia da Votação e Apuração (GVA) no pleito eleitoral de 2020, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Ceará solicitou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a presença de tropas federais no 2º turno em ambos os municípios. A solicitação foi aprovada pelo TSE na última terça-feira (24).

A missão da Força Terrestre é contribuir para que a votação e a apuração ocorram dentro da normalidade institucional. A operação de GVA ocorre por meio de uma ação integrada com a Justiça Eleitoral, Órgãos de Segurança Pública (Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros Militar), Polícia Federal, Ministério Público e Polícia Rodoviária Federal.

sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Fecomércio Ceará passa a integrar Fórum da Receita Federal

Desde a última quinta-feira, 26, a Fecomércio-CE passou a integrar, de forma permanente, o Fórum Regional da Administração Tributária Federal, da 3ª Região Fiscal.  

O Fórum é um espaço de audiência e debates em que possíveis demandas são colocadas pelos integrantes e devem servir para aprimorar alguns processos de trabalho da Receita Federal. A intenção é estreitar a relação entre os contribuintes e a Receita Federal, ampliando os espaços de diálogo.

Na primeira participação,  a Fecomércio sugere a melhoria da comunicação entre a Receita Federal e os contribuintes, a diminuição das obrigações acessórias e a revisão do novo sistema de julgamento de autuações de pequeno valor.

“Há algum tempo, os contribuintes e os fiscos de todo o País vem buscando caminhos para o diálogo. Em nível estadual já temos o Conselho de Defesa do Contribuinte e agora temos o Fórum Regional ampliando esses espaços e facilitando as relações entre as partes”, declara Hamilton Sobreira, consultor jurídico da Fecomércio.

Camilo antecipa decreto que mantém horário de funcionamento de bares e limites em eventos

O governador Camilo Santana decidiu, após reunião do Comitê de Combate ao Coronavírus, antecipar para esta sexta-feira, 27, o decreto que determina protocolos. Ele reiterou o das últimas semanas. O governo evitou as fake news que divulgavam um possível blecaute, após a eleição.

Em publicação nas redes sociais, o governador alerta para uso de máscaras, evitar aglomerações e não esquecer que as medidas se fazem necessárias.  

Eleitor

Domingo, 29,  o eleitor já sabe: precisa levar um documento para votar. Terá álcool gel na seção eleitoral e não deve cumprimentar ninguém.

Caucaia

As pesquisas eleitorais apontam para uma vitória fácil de Naumi, em Caucaia. O Ibope aponta grande favoritismo, no mesmo formato do primeiro turno.

Fernando Santana

O deputado Fernando Santana mergulhou. Pouco participou da campanha eleitoral, no centro das decisões. Calado, espera o desfecho da eleição em Fortaleza. Ele pode assumir a Presidência da Assembleia Legislativa. Fernando é o “01” de Camilo e Evandro Leitão, o “02”.

Antônio Henrique

Sarto eleito, Antônio Henrique segue presidente. A avaliação é dos vereadores aliados e da oposição na Câmara Municipal. A política, muitas vezes, não segue a lógica. Pelo histórico, Antônio Henrique merece a recondução.

Ciro

Ciro Gomes está no eixo Rio-São Paulo e é presença forte  na campanha de João Campos, no Recife. Está dando certo. Boulos cresceu, Eduardo Paes, segundo as pesquisas, está eleito no Rio de Janeiro e João Campos virou e lidera no Recife. Em Porto Alegre, Ciro apostou na candidatura do MDB, de Sebastião Melo, que virou nas pesquisas e está praticamente eleito, derrotando Manuela D’Ávila, do PC do B. Manuela se tornou alvo da esquerda, por  inviabilizar a chapa que poderia ter vencido Bolsonaro, com Ciro liderando.

PM diz não

O comando da Polícia Militar do Ceará disse não a uma consulta sobre convocação de forças federais para Fortaleza e Caucaia. Para a PM, nada justifica. Na votação do dia 15, já não necessitava. 

Interessados

Vereadores que não se elegeram estão envolvidos na campanha do candidato Sarto, de corpo e alma. Se eleito, ele pode convocar vereadores para o seu governo. Roberto Cláudio fez isso. 

A região de ouro

O governador Camilo Santana autorizou a duplicação da CE 155, que liga o Pecém ao modal rodoviário cearense, já duplicado. A obra será feita em parceria com o setor privado. O presidente da Fiec, Ricardo Cavalcante, é o articulador do processo. 

As vitórias administrativas e eleitorais do governador Camilo Santana

O governador Camilo Santana construiu uma liderança própria, algo difícil, diante das adversidades que enfrenta, desde o 1º dia em que entrou no Palácio da Abolição. 

Os primeiros momentos na residência oficial foram sem dormir noites tranquilas. O Brasil mergulhou no profunda recessão, desemprego e crise política, com o início do impeachment da presidente Dilma Roussef. Ela acabou cassada. Em seguida, veio o governo Temer, afundado em impopularidade e sem recursos para financiar projetos, não liberando aval para o governador captar recursos de bancos internacionais, o que só ocorreu, após a ação de deputados e senadores cearenses. 

O governador enfrenta, agora, a discriminação do governo federal, cuja interlocução se torna difícil. Bolsonaro construiu um muro entre o seu governo e o Estado do Ceará. Os governadores foram obrigados a criar um consórcio para driblar a falta de verbas. 

O governador Camilo Santana enfrentou, no início do ano, a maior greve da Polícia Militar. Camilo considera o movimento um motim violento, que danificou patrimônio público, incendiou ônibus e carros da polícia, destruiu quartéis e produziu mais de 300 mortes. Foi um momento grave, ficando a população desprotegida. 

Agora, o governador enfrenta a pandemia de Covid 19, que teve início em março, matando centenas de cearenses e, até agora, levando pessoas às UTIs. O governador está sendo modelo no país no combate ao coronavírus, proibindo funcionamento de bares e eventos. Na campanha eleitoral, conseguiu, junto ao TRE, a proibição de comícios, aglomerações, carreatas e caminhadas. 

A campanha eleitoral era a arma dos adversários para derrotar o governador, acusado por eles de promover a destruição da economia. Mas, a bala de prata do coronavírus estava com o governador Camilo Santana. As pesquisas mostraram que as medidas contra a pandemia lhe geraram prestígio e confiança da população. 

Totalizados os votos no 1º turno da eleição municipal, Camilo saiu vitorioso em quase todos os municípios do Ceará, na maior performance eleitoral de um governante. Ele divide o êxito com seus grandes aliados, o senador Cid Gomes, o ex-ministro Ciro Gomes, o prefeito Roberto Cláudio, deputados, vereadores, lideranças e prefeitos. “Formamos um time, um grupo que trabalha para o bem, para melhorar a vida dos cearenses”, disse o governador, ao registrar a vitória nas urnas. 

O cearense de Barbalha devolveu ao governador Camilo o controle político da sua terra. O município reconheceu os méritos do governador, que não fez campanha presencial na sua base política. 

No próximo domingo, 29, segundo as pesquisas, o governador poderá obter a mais retumbante das vitórias. A batalha contra o Capitão Wagner, se for vencida, terá um excepcional sabor de revanche. Para o governador, a derrota de Wagner será a de um projeto que nasceu com um motim, liderado por milicianos, sepultando-se a perspectiva de sua evolução.

Debate

Hoje, os candidatos Sarto e Wagner protagonizam debate decisivo do segundo turno. Será em TV aberta. 

Os dois candidatos não agendaram compromissos de campanha. O debate na TV Verdes Mares será as 22h30.

Apresentação de projetos

O deputado Romeu Aldiguere (PDT) se fortaleceu, após a abertura das urnas em 15 de novembro. Segundo o parlamentar, seu patrimônio eleitoral abrange 21 municípios,  na zona norte e Ibiapaba.

Antes mesmo do encerramento da eleição, em seu segundo turno, o deputado Romeu Aldiguere procurou o secretário Nelson Martins, no Abolição, para se apresentar como responsável pelos projetos em cidades sob sua liderança política. Granja, Acaraú, Camocim e Viçosa são apenas exemplos.

Inep divulga diretrizes e procedimentos para o Encceja 2020

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) publicou ontem (26), no Diário Oficial da União (DOU), o edital sobre as diretrizes, os procedimentos e os prazos do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2020. 

A aplicação do exame (Encceja) para o ensino fundamental e médio será no dia 25 de abril de 2021 e ocorrerá em todos os estados e no Distrito Federal. 

O Encceja é destinado a jovens e adultos que não concluíram os estudos na idade apropriada para cada etapa de ensino, desde que tenham, no mínimo, 15 anos completos para o ensino fundamental e, no mínimo, 18 anos completos no caso do ensino médio, na data de realização do exame.

Mais informações: https://www.gov.br/mec/pt-br/assuntos/noticias/publicado-edital-do-encceja-2020