quarta-feira, 26 de janeiro de 2022

Sondagem Industrial aponta crescimento da produção e do emprego na indústria cearense no fim de 2021

 


Após apresentar queda no mês de outubro de 2021, a indústria cearense voltou a demonstrar sinais positivos em novembro. Tanto a Produção quanto o número de Empregos retomaram os resultados acima dos 50 pontos, indicando crescimento nessas duas variáveis frente ao mês anterior. Além disso, constatou-se que, ainda que a Utilização da Capacidade Instalada (UCI) efetiva tenha ficado abaixo da usual, houve crescimento na comparação com outubro. Os dados são da Sondagem Industrial, pesquisa realizada pelo Observatório da Indústria da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI).


Ainda conforme a pesquisa, os Estoques efetivos foram bem superiores ao planejado, podendo sugerir que as empresas estavam com menos dificuldades para a produção, mas que também indicam, possivelmente, uma retração no consumo acima do esperado pelo setor.


Para o Brasil, os resultados se assemelham ao do Ceará: a Produção obteve leve crescimento, os estoques efetivos estiveram acima do planejado e a UCI efetiva manteve-se abaixo da usual, mas com tendência ascendente. Somente o emprego diferiu, apresentando estabilidade em novembro de 2021.

A expectativa dos empresários cearenses e brasileiros para os próximos seis meses permanece, em geral, otimista.

Com nova Política Estadual de Incentivo Hospitalar, Governo do Ceará destinará R$ 500 milhões anuais para apoiar unidades de referência

 


O governador Camilo Santana apresentou, na manhã desta quarta-feira (25), a nova Política Estadual de Incentivo Hospitalar, coordenada pela Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), com o objetivo de facilitar o acesso da população aos serviços hospitalares por meio do aumento no repasse de verba estadual na área da saúde. A apresentação também contou com a presença da vice-governadora Izolda Cela e do titular da Sesa, Marcos Gadelha, e foi transmitida ao vivo pelas redes sociais.


A ampliação de recursos contribuirá para o equilíbrio financeiro de unidades de saúde complementares à rede estadual. A medida beneficiará diretamente hospitais polos e estratégicos em 53 municípios. Os recursos são oriundos do Tesouro do Estado e alinhados com o Planejamento Estadual e a Lei Orçamentária, num total de R$ 41,78 milhões mensais. Isso significa mais de R$ 500 milhões por ano, representando aumento de 71,9% do valor total. O pagamento da parcela referente ao mês de janeiro já foi efetuado.




Para o governador, o desenho da nova política representa o esforço de levar melhor atendimento em saúde para mais perto do cidadão. “Esse é um planejamento que o Estado fez, dentro do pacto federativo entre Estado e municípios, para fortalecer lá na ponta o atendimento à população do Ceará. Essa é mais uma ação importante da Saúde que mostra o compromisso do Governo do Ceará com a saúde pública e com a saúde do povo cearense”, afirmou Camilo Santana, agradecendo a parceria com os municípios.

Prefeitura de Limoeiro do Norte inaugura Centro de Imunização Infantil (CII)

 


A Prefeitura de Limoeiro do Norte inaugurou o Centro de Imunização Infantil - CII no último sábado (22.01), um local acolhedor e lúdico, com muita animação e uma equipe treinada e preparada para melhor atender as crianças.

O Centro de Imunização Infantil está localizado na quadra coberta da Escola Evaldo Holanda Maia, no bairro José Simões(Populares) e proporciona conforto e entretenimento para as crianças que irão se vacinar. 

Vacinação Literária: Secretaria de Educação de Icó distribui livros didáticos, durante campanha de vacinação infantil

A Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a Saúde, realiza a Vacinação Literária com entrega de livros didáticos durante a campanha de vacinação infantil contra o Covid-19 em Icó. 

A ação tem o intuito de incentivar à leitura, ao mesmo tempo que também incentiva a vacinação e torna o ato mais divertido para as crianças. 

“Em dias de vacinação infantil contra o Covid-19, nossas equipes técnicas vão para as Unidades de Saúde e realizam a distribuição de livros didáticos para as crianças que estão indo se vacinar. No local também acontece contação de histórias, o que acaba prendendo a atenção das crianças e tornando aquele momento mais divertido”, explica a secretária de Educação, Aurineide Amaro.

Refis-Covid de Fortaleza : prazo para renegociar dívidas tributárias e fiscais, com descontos de até 90%, encerra dia 31 de janeiro

Os contribuintes de Fortaleza terão até o dia 31 de janeiro de 2022 para aderirem ao Programa de Recuperação de Créditos Tributários e Não Tributários (Refis-Covid), e renegociarem suas dívidas relacionadas a impostos municipais, taxas tributárias e multas de trânsito com descontos de até 90%. Podem participar os contribuintes com fatos geradores realizados até o dia 31 de dezembro de 2020.

O programa Refis-Covid faz parte do Pacote de Socorro Fiscal, de iniciativa da Prefeitura de Fortaleza, que tem como objetivo minimizar os impactos econômicos da pandemia de Covid-19.

O que pode ser negociado?

Débitos de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU);

Imposto sobre Serviços (ISS);

Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI);

Penalidades pecuniárias por descumprimento de obrigação tributária, lançadas de forma autônoma, e multas não tributárias, inclusive que já estejam judicializados e incluídos na Dívida Ativa do Município.

Além do desconto à vista, o Refis Covid oferece parcelamentos entre 80% e 30%, também em juros e multas, conforme número de parcelas. Confira as condições abaixo:

Ainda será possível o contribuinte obter descontos diferenciados para as multas tributárias autônomas e multas não tributárias (Agefis, entre outros). Os contribuintes com parcelamento ativo ou rescindido anteriormente à vigência da Lei nº 11.100/2021, poderão quitar ou reparcelar com desconto para juros e multas.

Canais de atendimento

A Prefeitura de Fortaleza disponibiliza hotsite voltado para o Pacote de Socorro Fiscal. Nele, o contribuinte poderá encontrar todos os links disponíveis para pagamento à vista, parcelamento e renegociação de dívidas.

Através do site da Sefin também é possível acessar às opções de negociação ou pelo canal de atendimento Fale com a Sefin está disponível para qualquer dúvida referente ao Refis ou qualquer serviço oferecido pela Secretaria nos telefones 3105.1202/ 3105.1253.

O atendimento da Procuradoria Geral do Município (PGM) deve ser feito pelo Balcão Virtual no Portal da PGM e no aplicativo da Dívida Ativa Fortaleza, e ainda, pelos celulares: (85) 9 8419.2045/ 9 8419.2042.

Já a Agefis realizará atendimento online via WhatsApp (85) 9 8897.8766, e também presencial na sede da Agência, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h (Rua Francisco José Albuquerque Pereira, 1020 – Cajazeiras).

Câmara Municipal de Fortaleza lança cartilha sobre vacinação de crianças contra a Covid-19

O acesso à informação vem sendo uma das medidas no enfrentamento da pandemia. Neste sentido, a Câmara Municipal de Fortaleza lançou a cartilha “Xô Covid!”, que faz um alerta aos pais sobre a importância da vacinação das crianças contra a Covid-19. O material ensina o passo a passo para o cadastro na plataforma Saúde Digital e informa qual a documentação necessária, que deverá ser ser apresentada no dia da aplicação do imunizante.

A Cartilha também tira dúvidas sobre a diferença entre a Covid-19, e as outras síndromes gripais como resfriado, gripe comum, além da H1N1 e H3N2, que têm tido um aumento no número de casos nesse início de ano.

Em Fortaleza, a vacinação de crianças de 5 a 11 anos iniciou no dia 15 de janeiro. Porém menos da metade das crianças agendadas haviam comparecido na data de imunização. De acordo com os dados fornecidos pela Prefeitura, desde o início da vacinação, no dia 15, até a última quinta-feira, 20, havia 11.080 agendamentos para esta faixa etária. Porém nesse intervalo, o número de doses aplicadas foi de apenas 5.243, o que corresponde a 47% do público esperado.

A Capital tem cerca de 283.806 crianças na faixa de idade recomendada para tomar o imunizante. Já o número de cadastros na Plataforma Saúde Digital, da Sesa, chega somente a 166.925 mil. Desses, 71,8%, o equivalente a 119.841 mil, foram confirmados por e-mail, requisito necessário para que o sistema processe a data de agendamento da aplicação. Os outros 30% precisam ter a pendência resolvida para que os dados sejam, efetivamente, validados.

Além do ritmo lento nos cadastros, a procura pelo imunizante infantil também está em baixa em Fortaleza. Neste sentido, a cartilha reforça a importância tanto do cadastro quanto do comparecimento no dia da vacinação. Com a incidência de casos nos últimos dias e a transmissibilidade da nova variante ômicron, a imunização das crianças se faz necessária.

Lembrando que para fazer o agendamento da vacinação basta realizar o cadastro na plataforma Saúde Digital (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br). Para as pessoas que não possuem acesso à internet ou que tenham alguma dificuldade no cadastro, podem procurar um dos locais disponibilizados pela Prefeitura. Confira abaixo quais são:

– 12 Secretarias Executivas Regionais

– 4 Cucas (Barra, Jangurussu, Mondubim, José Walter)

– Centro Cultural Canindezinho

– Pracinha da Cultura do Ancuri

– 27 Centros de Referência de Assistência Social (Cras)

– 3 Centros de Cidadania e Direitos Humanos (CCDH)

– 4 terminais de ônibus (Messejana, Papicu, Antônio Bezerra e Parangaba).

Rafael Marques: “Em Pacatuba, tem professor que vai receber R$ 17.548 do rateio do Fundeb”

0 vice-prefeito de Pacatuba, Rafael Marques, confirma para o dia 31 de janeiro o pagamento do rateio do Fundeb a professores e servidores da educação.  São cerca de R$ 8.258.102,63. Vão receber professores efetivos e temporários da rede municipal de ensino, na proporção de suas cargas horárias. Aqueles com contrato de 100 horas, receberão o equivalente a R$ 8.772,94 e os de 200 horas o total de R$ 17.545,88. Não é de hoje que os profissionais da educação de Pacatuba são valorizados pela gestão do prefeito Carlomano Marques. “Ainda como chefe de gabinete, acompanhei diversas pautas com o prefeito, que sempre deu prioridade à educação. Não bastasse investir nos recursos humanos, iniciamos a maior reforma das escolas e creches, oferecendo um espaço mais confortável e agradável para trabalharem, consequentemente, beneficiando os nossos alunos”, ressalta o vice-prefeito.

O desempenho de Senador Pompeu, com 86,18% da população vacinada

Segundo o IBGE, a população apta a se vacinar, acima de 5 anos de idade, no município de Senador Pompeu, é de 23.619 pessoas. Foram vacinadas 

20.355 (86,18%). O município está em primeiro lugar. Lá, a última morte por Covid foi em julho de 2021, há quase seis meses. Melhor: não tem um só paciente internado com Covid ou gripe.

Cid Gomes prioriza combate à Covid

O senador Cid Gomes não fala sobre sucessão estadual ou presidencial. O líder do PDT no Senado está preocupado com essa terceira onda da Covid, que veio através da variante ômicron. Na convenção que oficializou a pré-candidatura de Ciro Gomes a presidente da República, Cid foi discreto, não conversou com jornalistas e acompanhou o discurso do irmão. Após o evento, cumprimentou Ciro e Lupi e deixou o ambiente. 


Médicos vão receber a quarta dose

Os médicos brasileiros estão sendo comunicados de que receberão a quarta dose da vacina contra Covid-19, a partir de 1º de fevereiro. O sistema de cadastro é o mesmo das doses anteriores. Os profissionais foram os primeiros a receber vacinas. No Ceará, os médicos dos hospitais públicos e privados que consultaram o Conect-Sus já sabem a data que vão receber a quarta dose.

Evandro Leitão vai definir protocolo para reabertura do Legislativo

O presidente da Assembleia, deputado  Evandro Leitão, retorna de Portugal, no final de semana. Lá, faz mestrado em Ciências Políticas. Sua primeira agenda de volta ao Ceará é definir como serão as sessões e o acesso de servidores e da população à Casa. Até o dia 31, fica tudo parado, só diretores presentes. A Diretora Geral da Assembléia, Sávia Magalhães, todos os dias, cumpre expediente, coordenando o funcionamento das atividades. A tese do presidente da AL é seguir as decisões do Comitê de Combate à Covid-19, presidido pelo governador Camilo Santana.


Ultradireita e esquerda radical são invenções de sociólogos e cientistas políticos. Não existem, a rigor

O cara tem seu escritório de criação de teorias, a partir da sua formação acadêmica. Na coluna da direita, joga os empresários e, na coluna da esquerda, parte da classe média e os pobres. Ao centro, as classes A e B. Os aproveitadores das redes sociais faturam, tirando proveito dos três grupos. A guerra ideológica criada por intelectuais de “meia tijela” virou “mantra”. Um tipo de tese de repetição que transforma mentiras em verdades. O pacote de invencionismos resultou no ódio extremo entre cidadãos, que se veem como de direita e esquerda, conservador e de centro. A disputa foi criada nas redes sociais e os espertos estão faturando alto com toda essa enganação. 

O que existiu no Planeta, a partir do ano de 1500, quando o feudalismo, sistema onde o patrão controlava o empregado, retribuindo-o com roupa e comida pelo seu trabalho, foi sepultado, dando lugar ao capitalismo. São movimentos sociopolítico e econômicos.  

O capitalismo, sistema predominante no Mundo atual, é baseado na propriedade privada e na acumulação de capital — dinheiro ou bens e objetos que podem representar mais riqueza. O processo é dividido em duas classes principais: os capitalistas, donos dos meios de produção ou dos bens e serviços que podem gerar dinheiro, e os trabalhadores, que vendem sua mão de obra em troca de uma remuneração. O objetivo do capitalismo é a maximização dos lucros, reduzindo custos ou elevando os preços dos produtos ou serviços. Tudo é feito em livre mercado, com pouca ou restrita interferência do Estado, conforme leis da oferta e da demanda.

O socialismo, um contraponto em tese, defende que os meios de produção e os bens devem ser públicos, coletivizados, com o objetivo de proporcionar uma sociedade mais igualitária de oportunidades e distribuição de riquezas. Tudo com o Estado o responsável por distribuir a produção, organizando um sistema de igualdade e cooperação. Os teóricos mais famosos do pensamento socialista são Karl Marx e Friedrich Engels, que, com a teoria da mais-valia, demonstraram que os trabalhadores não recebiam um pagamento equivalente ao valor das riquezas que produziam, o que gera mais desigualdades e problemas sociais.

O comunismo, embora muitas vezes tratado como sinônimo de socialismo, seria um passo à frente, alcançada a igualdade absoluta entre os cidadãos, o Estado torna-se desnecessário, e a sociedade passa a ser capaz de se autorregulamentar. Os trabalhadores são, enfim, proprietários do trabalho e dos bens de produção, não mais existindo diferentes classes sociais.

A democracia é uma forma de governo na qual os cidadãos participam, de forma direta ou indireta, por meio de pessoas que elegem para representá-los, na proposta de ideias, desenvolvimento de processos e criação de leis que irão regular as condições de coexistência.

A combinação dos radicais gregos autos e kratos significa “poder/governo por um só ou si próprio”. Neste sistema, todo o poder está concentrado em um único governante, que pode ser uma só pessoa, um comitê ou um partido. Há, também, tendência de personalização — as políticas adotadas são confundidas com interesses pessoais, não há outros membros no exercício de governo ou, se existem, são ignorados, Ideias contrárias e oposicionistas são tratados com truculência. O autocrata e seus aliados têm imunidade.

No anarquismo, se prega a ausência de governo. Uma ideologia política que se opõe a todo tipo de dominação e hierarquias . A proposta é superar a ordem social, com um projeto baseado na autogestão, uma sociedade de cooperativismos, onde as pessoas podem se associar livremente.

Com o fascismo, prepondera a ideologia nacionalista e autoritária que surgiu na Itália, no fim da Primeira Guerra Mundial, como oposição ao socialismo. Um movimento que assustava capitalistas e cidadãos mais conservadores. Sua retórica explorava assuntos como combate à corrupção, crise na economia ou declínio de valores morais da sociedade. Apoiava, inclusive, a repressão violenta para resolver tais problemas. Embora se mostrassem capitalistas e defendessem algumas ideias do sistema , como a defesa da propriedade privada, das pequenas e médias empresas, os líderes fascistas buscaram intervir radicalmente na economia. Também, apoiaram que a nação é um bem supremo, em nome da qual qualquer sacrifício pode ser exigido aos cidadãos, e que a salvação vem da organização militar e da guerra.

Fica claro que, ao longo da história, não se sustentaram conceituações ou abstrações sobre direita e esquerda. No clássico linguajar da política, se pode compreender que alguém se coloque mais à direita ou à esquerda de um governo, sem aprisionamentos às ideologias. A sociedade precisa avaliar bem teses que querem impor ao eleitor e ao cidadão para fomentar batalhar ideológicas, dividir a sociedade e ganhar dinheiro, muito dinheiro. 


terça-feira, 25 de janeiro de 2022

Evandro Leitão antecipa retorno do exterior e afirma que “Assembleia será fechada para público externo, nesse período grave da pandemia”

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Evandro Leitão, antecipou para esta quinta-feira, 27, seu retorno de Portugal. 

“Vamos seguir as decisões do Comitê de Combate à Pandemia. A Assembleia será fechada para o público, como medida sanitária”,  informou. 

A Assembleia Legislativa está sem expediente, até o dia 31 de janeiro. Evandro participará da reunião do comitê sanitário com o governador Camilo Santana, na sexta-feira, 28, de forma presencial.

Prefeitura empossa titulares e suplentes do Núcleo Gestor de Revisão do Plano Diretor Participativo de Fortaleza

O prefeito José Sarto empossou, durante reunião virtual realizada nesta terça-feira (25/01), os 30 membros titulares e 30 suplentes do Núcleo Gestor de Revisão do Plano Diretor Participativo de Fortaleza (PDPFor). A composição é formada pela gestão municipal por meio das secretarias, além de instituições da sociedade civil, dentre estas, movimentos sociais.

Sarto frisou que o debate, iniciado em 2019, passa a ser retomado após as duas ondas de coronavírus enfrentadas em 2020 e 2021. “Queremos que este seja um núcleo gestor participativo e transparente, visando reduzir as desigualdades enfrentadas no dia a dia e que foram aprofundadas pela crise sanitária que se instalou em todo o mundo. Dessa forma, queremos empoderar este grupo para a realização de debates nos territórios sobre a Cidade, para desenvolver oportunidades iguais e ofertas de serviços públicos de qualidade”, discursou o gestor.

O prefeito ressaltou, ainda, que a gestão municipal já vem trabalhando no sentido de mitigar desigualdades e aumentar a participação social. “Hoje, com os equipamentos e os recursos humanos que temos, Fortaleza colhe o fruto da educação. Nossos profissionais da educação fazem a Capital ser a maior do Nordeste em ensino inclusivo e a terceira do País em qualidade de ensino, conforme o Ministério da Educação”, frisou.

Ainda nesse sentido, de acordo com Sarto, outras iniciativas também vêm sendo fortalecidas por meio de políticas públicas, com destaque àquelas direcionadas à juventude, como a Rede Cuca, as Areninhas, o Programa Juventude Digital, dentre outros. Esse trabalho será reforçado com a promoção de debates e audiências públicas, virtuais ou presenciais, para ouvir a sociedade, com a adesão ao Plano Diretor Participativo.

Reunião

Em seguida, o titular da Secretaria Municipal de Governo, Renato Lima, presidente do colegiado, iniciou a primeira reunião do núcleo gestor, com o intuito de alinhar os próximos passos do projeto a serem implantados e outros aspectos de ordem prática.

Foi detalhado calendário que inclui a eleição do vice presidente do grupo, o lançamento da nova plataforma interativa digital do Plano Diretor para esta quarta-feira (26/01), além de reforçar o prazo das inscrições para a manifestação de interesse para seleção de empresa de consultoria para apoiar a revisão do Plano Diretor, que seguem até 31 de janeiro.

Saiba mais

O Plano Diretor é uma lei municipal, obrigatória para municípios com mais de 20 mil habitantes. Ele detalha os caminhos para o crescimento de uma cidade e aponta soluções para problemas comuns aos municípios, como déficit habitacional, desigualdade social, saneamento e proteção ao meio ambiente.

Membros Núcleo Gestor de Revisão do PDPFor

O Núcleo Gestor é composto por titular e suplente da Secretaria Municipal de Governo (Segov), da Coordenadoria Especial de Programas Integrados (Copifor), do Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), da Procuradoria-Geral do Município de Fortaleza (PGM), do Gabinete do Prefeito (Gabpref), da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor), da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf), da Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), da Secretaria Municipal da Gestão Regional (Seger), da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), da Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor), da Secretaria do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), da Secretaria das Cidades do Estado do Ceará, da Secretaria da Infraestrutura do Estado do Ceará (Seinfra) e da Câmara Municipal de Fortaleza (CMFOR).

Entre a sociedade civil, há representantes da Associação Beneficente O Pequeno Nazareno, do Movimento Associação AME Ceará, da Associação dos Cegos do Estado do Ceará (Acec), da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Fortaleza (CDL), do Sindicato das Indústrias de Energia (Sindienergia), do Centro Industrial do Ceará (CIC), do Sindicato da Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado do Ceará (Sinduscon), da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), da Organização Educacional Farias Brito, do Instituto para o Desenvolvimento da Educação (Ipade), da Frente de Luta por Moradia Digna, da Associação das Mulheres em Movimento (Amem), do Instituto Verdeluz, do Greenpeace Fortaleza, do Movimento Nova Era do Henrique Jorge, da Associação Grupo de Economia Solidária da Aerolândia (Agesa), da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/CE), do Conselho Regional de Enfermagem do Estado do Ceará (Coren), do Sindicato dos Agentes Municipais de Segurança Pública do Estado do Ceará (Sindiguardas), da Associação dos Guardas Municipais do Estado do Ceará (ASGMEG), do Sindicato dos Taxistas de Fortaleza e Região Metropolitana (Sinditaxi), da Associação dos Enfermeiros do Estado do Ceará (Assec) e das Zonas Especiais de Interesse Social (ZEIS) do Lagamar e do Bom Jardim.

Governador anuncia reajuste a agentes rurais e gratificação para assessores financeiros e secretários escolares

O Governo do Ceará vai dar melhorias a mais duas categorias de servidores. Nesta terça-feira (25), durante seu tradicional bate-papo com a população pelas redes sociais, o governador Camilo Santana comunicou o reajuste aos agentes rurais da Ematerce e a criação de uma gratificação para assessores financeiros e secretários escolares da Seduc. As duas conquistas foram garantidas pelo Estado após ouvir a reivindicação dos profissionais.

“Autorizei que os agentes rurais de nível superior, que antes ganhavam R$ 2.700, passarão a ganhar R$ 3.510. É um aumento entre 25% e 30%. E para os agentes rurais de ensino médio, que era R$ 1.200, passa a ser R$ 1.600. É um reconhecimento ao trabalho de vocês”, disse Camilo. Já a gratificação para os secretários escolares e assessores financeiros será paga por meio de cargo comissionado, beneficiando 1.473 profissionais. O governador informou que o Executivo está “enviando a lei para a Assembleia Legislativa, que está retornando ao trabalho no início de fevereiro”.

Concurso

O primeiro edital de concurso público do Governo do Ceará em 2022 deverá ser o do Metrofor, anunciou o governador. “Já posso adiantar que está definido. Será o primeiro concurso deste ano. São 150 vagas, com previsão de mais 150 para cadastro de reserva”, confirmou Camilo Santana. Por telefone, Igor Ponte, presidente do Metrofor, deu uma perspectiva para que o edital do certame seja publicado. “Fizemos já a contratação da Uece, que vai realizar o concurso, e o edital deverá estar saindo nos próximos 40 dias”.

O governador reforçou que outros órgãos da administração estadual também realizarão concursos em 2022. “Vou fazer uma reunião hoje para definir o quantitativo de professores para a Urca, Uece e Uva. E o da Semace também deveremos definir por esses dias o quantitativo”, ressaltou Camilo.

Interação com o público

Como de costume, o governador separa um trecho do bate-papo com a população para responder questionamentos. Sobre o Programa CNH Popular, Camilo Santana informou que será lançado “até março um novo programa que vai beneficiar todos os 184 municípios cearenses”. Atualmente, está em andamento o edital lançado em 2021, que beneficia 25 mil cearenses com a Carteira Nacional de Habilitação, cujo investimento do Estado é de cerca de R$ 25 milhões. Pelo telefone, Maximiliano Quintino, superintendente do Detran, disse que o programa garante “toda a parte de exames médicos, aulas teóricas e práticas e emissão de documentos”.

A respeito da distribuição de computadores para os docentes da Secretaria da Educação (Seduc), Camilo Santana afirmou que a entrega deve ter início no próximo mês. “A informação da Seduc é que até o fim de fevereiro os professores já começam a receber. São cerca de 28 mil notebooks para todos os professores da rede pública estadual como ferramenta complementar para que ele possa aperfeiçoar o seu ensino aos alunos”, respondeu o governador.

Pandemia

O governador voltou a falar da importância da vacinação da população na defesa contra o coronavírus no momento em que o Ceará se aproxima de completar 16 milhões de doses aplicadas. Camilo destacou a diferença de internações entre os picos da doença. “25% das pessoas que procuravam uma UPA na primeira onda se internavam. Nesta agora, apenas 5% precisam. Isso mostra a importância da vacina nesta terceira onda da pandemia”, informou.

O chefe do Executivo estadual também falou sobre o perfil predominante de pessoas internadas com Covid-19 atualmente no Ceará. “A grande maioria dos casos graves que demandam internação hospitalar são pessoas que não se vacinaram, ou com muitas comorbidades, ou que não tomaram a segunda dose ou dose de reforço”, disse. “Por isso, faço o alerta para as pessoas se vacinarem”, pediu Camilo.