quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Fabricação da marca Mizuno será toda no Ceará e deve gerar até três mil novos empregos


O governador Camilo Santana anunciou na tarde desta quinta-feira (24) mais um importante investimento para a economia do Estado do Ceará. A empresa Vulcabras Azaleia, fabricante de marcas famosas como a Olympikus, Under Armour, Opanka e Dijean, adquiriu a operação da Mizuno no Brasil e a partir do dia 1º de janeiro de 2021 toda a produção da linha ocorrerá na cidade cearense de Horizonte.

O CEO da empresa Vulcabras, Pedro Grendene, e André Bartelle, executivo do grupo, vieram ao Ceará e junto ao governador anunciaram a expansão das atividades. Durante o anúncio feito ao vivo pelas redes sociais, o governador destacou que o Ceará é um dos maiores polos no Brasil da produção de calçados e que a empresa Vulcabras conta atualmente com uma grande fábrica instalada em Horizonte, na Região Metropolitana de Fortaleza, onde gera, hoje, quase nove mil empregos diretos.

“Agora, toda a produção do tênis Mizuno no Brasil sairá do Ceará. São novos investimentos que o grupo fará em sua fábrica e vai gerar em torno de três mil novos empregos”. Camilo Santana informou ainda que a Vulcabras já contratou mais trabalhadores depois do retorno das atividades que haviam sido suspensas por conta da pandemia de coronavírus (Covid-19).

“Além disso, não demitiu nenhum trabalhador durante esse processo por conta da pandemia. Esse foi um apelo que fizemos aos empresários cearenses e investidores, a garantia da manutenção do emprego”, relatou. “É claro que existe uma série de políticas federais para apoiar essa manutenção, mas agradecemos às empresas como a Vulcabras pelas medidas tomadas durante esse período, garantido o emprego e renda de milhares de famílias cearenses. Diante desse momento desafiador que é retomar a economia, esse é um importante anúncio que fazemos hoje”.

Expansão

“Conseguimos concluir as negociações para nos tornarmos licenciados e distribuidores da marca Mizuno no Brasil a partir do primeiro dia do ano que vem. Isso, deve gerar empregos para o povo cearense, mais especificamente para a região de Horizonte, onde estamos instalados. Sem dúvida esse investimento irá beneficiar a economia do Estado, a própria empresa e os quase nove mil funcionários que já temos hoje”, falou Pedro Grendene. “A nossa companhia sempre teve muito êxito no trabalho feito no Ceará até hoje e iniciamos uma nova fase para aumentar esses investimentos e nossa produção”, reforçou André Bartelle.

O secretário do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet), Maia Júnior também participou da apresentação e apontou que o governador coordena o Estado com maestria diante dos desafios impostos pela pandemia. “Sempre colocou em suas falas que dava o mesmo equilíbrio e peso para as áreas da economia e da saúde. Durante o processo de pandemia nos foi delegada a missão de contatar todos os empresários para que não demitissem, que mantivessem o compromisso com os cearenses nesse momento”, contou Maia Júnior.

Capitão Wagner se reune com setores produtivos de Fortaleza


O candidato a prefeito de Fortaleza, Capitão Wagner, abriu sua agenda, nesta quinta-feira (24), com um almoço, reunindo empresários do setor hoteleiro de Fortaleza, no Comfort Hotel, no bairro Meireles.

Na oportunidade, Capitão Wagner frisou algumas de suas propostas para setor, dentre elas, a criação do ano um do empreendedor, garantindo a isenção de tributos municipais no primeiro ano de funcionamento do empreendimento; a implantação do documento único municipal para a abertura de novos negócios e o alvará definitivo, que dispensa a obrigação da emissão anual do documento para as empresas, exceto na alteração de Classificação Nacional de Atividades Econômicas ou das características funcionais do imóvel.

“Muitas empresas tradicionais de Fortaleza fecharam as portas. O gestor tem que ter o setor produtivo como um grande parceiro. É preciso gerar emprego e renda, para que nossa Fortaleza volte a crescer e se tornar uma cidade de oportunidades para todos”, pontuou.

Capitão Wagner ainda se reuniu com setores produtivos da cidade ligados ao supermercados e da região sul da cidade.

Assembleia aprova projetos que estimulam os cuidados com a saúde mental dos cearenses


A Assembleia Legislativa aprovou nesta quinta-feira (24/09) dois projetos de lei de autoria dos deputados que compõem a Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio. O primeiro deles institui no Ceará o selo Empresa Amiga da Saúde Mental. O segundo determina que os sites dos órgãos públicos do Estado divulguem informações sobre os cuidados com a saúde mental. Assinam os projetos aprovados os deputados Evandro Leitão (PDT), Nezinho Farias (PDT), Leonardo Pinheiro (PP), Jeová Mota (PDT), Elmano Freitas (PT), Patrícia Aguiar (PSD), Fernando Santana (PT), Romeu Aldigueri (PDT), Érika Amorim (PSD), Renato Roseno (PSol), Augusta Brito (PCdoB) e Bruno Pedrosa (PP).

O projeto de lei que institui o selo Empresa Amiga da Saúde Mental tem o objetivo de incentivar empresas a desenvolver ou participar de ações voltadas para a promoção da saúde mental. Dentre as ações previstas no PL, estão a oferta de atendimento psicológico, estratégias destinadas ao clima organizacional, criação de ambientes para descanso periódico e disponibilização de programas educacionais sobre o assunto. O selo tem validade de dois anos. A outra proposta aprovada pela Assembleia determina a divulgação de dicas e informações sobre os cuidados com a saúde mental em sites de órgãos públicos estaduais, a exemplo de dados sobre instituições para tratamento de transtornos mentais.

Segundo o presidente da frente parlamentar, Evandro Leitão, os projetos de lei são resultado de uma discussão coletiva entre os deputados e entidades da sociedade civil que participaram de audiências públicas e debates na Casa. “Essa é uma das contribuições do Parlamento para combater esse problema crescente em nosso Estado. Ficamos muito satisfeitos com o processo de diálogo que resultou nessa aprovação em pleno Setembro Amarelo, mês em que avançamos nos debates referentes à causa”, afirmou o deputado. Evandro relembra que outras propostas referentes ao tema continuam em tramitação na Assembleia, como o projeto que cria o fundo e o conselho estadual da saúde mental do Ceará.

Morre o jornalista Newton Pedrosa, um ícone da imprensa cearense


O Ceará perdeu hoje, 24 de setembro, um ícone da comunicação, o jornalista Newton Pedrosa. Sua carreira foi um sucesso no jornalismo.

Pedrosa foi influente na imprensa por seis décadas. No governo Adauto Bezerra, atuou como secretário de Comunicação. Passou pelos principais jornais como colunista. Circulava nos bastidores e não perdia o humor.

Newton Pedrosa dizia que a Assembleia Legislativa era o radar e o eco da política. O Abolição o velório, fechado e frio.

Nas suas últimas crônicas, atacou o "peleguismo" na política. Considerava uma geração de bajuladores, esquecendo o papel de líderes, a função pública.

Newton Pedrosa é da geração dos jornalistas Ciro Saraiva, Edilmar Norões, Tancredo Carvalho, Laerte Bezerra, Antônio Vicelmo, Nelson Faheina e Macário Batista. Tem toda uma boa turma de amigos e colegas que aprendeu com ele e vai ficando. Boa leitura, Newton e bom encontro com os companheiros que o aguardam.

Luizianne realiza 7º encontro do Programa de Governo para Fortaleza sobre Meio Ambiente, Urbanismo e Infraestrutura


Nesta quinta-feira, 24/09, às 19h30, a deputada federal e candidata pelo PT à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins, realiza o 7º e último Encontro do Programa de Governo Popular e Participativo para Fortaleza. As temáticas que serão debatidas são de importância fundamental para o futuro de Fortaleza: Meio Ambiente, Urbanismo e Infraestrutura.

Participarão do debate convidadas/os especialistas: Nabil Bonduki, arquiteto, professor titular de Planejamento Urbano da Universidade de São Paulo (USP) e ex-secretário das gestões Erundina e Haddad em SP; e o advogado, ambientalista, ex-vereador e ex-secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano na gestão Luizianne em Fortaleza, Deodato Ramalho.

Este 7º encontro terá transmissão nas redes sociais da Internet da deputada @luiziannelinsPT: YouTube, Facebook e Instagram. Já foram debatidas seis temáticas: Saúde; Educação; Cultura; Trabalho, Emprego e Renda; Segurança Pública e Direitos Humanos; e Assistência Social.

Pessoas ligadas às questões do Meio Ambiente, Infraestrutura e Urbanismo em Fortaleza também participarão do debate por meio de vídeos. As propostas colhidas durante os encontros estão sendo somadas à construção do Programa de Governo de Luizianne Lins.


Ministério Público Eleitoral vai investigar venda de tempo de rádio em Iguatu

Prefeito Ednaldo Lavor e Nelho Bezerra
No município de Iguatu, o Ministério Público Eleitoral abriu investigação para apurar a denúncia contra um pré-candidato que desistiu da candidatura em troca de recursos.

A denúncia, feita emissoras de rádio da cidade, envolve o suplente de deputado federal e o prefeito da cidade, Ednaldo Lavor. Nelho Bezerra, um evangélico, em discurso numa emissora, negou ter recebido cerca de R$ 350 mil para desistir da candidatura e entrar na coligação do prefeito, que tenta a reeleição. "Não recebi nada", disse ele.

O advogado Samuel Alves, autor da denúncia, reafirmou o negócio, que teria por objetivo interferir no resultado da eleição.

O deputado Heitor Freire, presidente do PSL no Ceará, decidiu manter o compromisso de dar legenda a Nelho, para ele ser candidato a prefeito, mas ele teria preferido largar tudo para aceitar as propostas do prefeito Ednaldo .

Bolsonaro assiste calvário de Wiltzer e Moisés, governadores eleitos na sua base, que se tornaram adversários


O presidente Jair Bolsonaro está saindo da pandemia para a temporada de retomada, comemorando o crescimento da popularidade e a possível cassação de dois governadores com quem dividiu palanque e se tornaram desafetos.

Wilson Witzel, governador do Rio de Janeiro, e o coronel Carlos Moisés, de Santa Catarina, estão com a corda no pescoço, próximos da perda de mandato. Serão cassados. Witzel, por corrupção, e Moisés, por improbidade, ao promover atos contra a Constituição do Estado de Santa Catarina.

A expectativa, em Brasília, era Bolsonaro perder o mandato. Com a popularidade no fundo do poço, o presidente era refém do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e do presidente do STF, Dias Tofolli.

Bolsonaro virou o jogo, ao assumir o comando da saúde na pandemia, parar de falar na cerquinha da saída do Alvorada, de querer o controle da Polícia Federal e, promovendo a criação do Auxílio Emergencial. Hoje, a oposição busca uma nova estratégia para segurar Bolsonaro.

Domingos Neto grava para 100 prefeitos e visitará 40 municípios


O deputado Domingos Neto, ao lago do presidente do PSD, Domingos Filho, tem uma maratona de eventos na sua agenda até 15 de novembro, data da eleição.

O PSD do Ceará, apostou alto, lançando candidatos nos 184 municípios do Ceará, sendo 50 mulheres. Na maioria das cidades, está coligado aos partidos da base aliada do governo Camilo. PDT, PSB e PT são as opções prioritárias.

"Gravei videos e áudios para 100 candidatos e presencialmente estarei em 40", relatou. Domingos Neto deixou fora o município de Tauá. "Vou montar base em Tauá", declarou. Patrícia Aguiar, mãe do deputado Domingos Neto é candidata a prefeita e tenta o quarto mandato.

Disparada do preço da carne, frango e peixe leva deputados a colocar o ovo na cesta básica


O ovo é um dos alimentos que sempre está presente na mesa dos brasileiros por ser acessível, rico em vitaminas e diferentes nutrientes. Considerando a sua popularidade e os inúmeros benefícios que o produto traz à saúde, o Projeto de Lei 4534/20 inclui o ovo como item essencial da cesta básica. O texto segue em análise na Câmara dos Deputados.

Atualmente, a cesta básica é composta por treze alimentos: carne, leite, feijão, arroz, farinha, batata, tomate, pão, café, banana, açúcar, óleo e manteiga. O PL em aprovação altera ainda o Decreto-Lei 399/38, que estabelece que a parcela do salário mínimo destinada a gastos com alimentação não pode ser menor ao custo da Cesta Básica Nacional.

Para André Siqueira, presidente do Sindicato das Indústrias da Alimentação e Rações Balanceadas no Estado do Ceará (Sindialimentos), a inclusão do ovo na cesta básica pode  garantir a isenção tributária do alimento.

“O ovo é um alimento composto por muitos nutrientes, vitaminas, ferro e minerais, com grande valor nutricional. Além disso, é barato e de vasta produção no Brasil. Torná-lo item essencial da cesta básica dos brasileiros, garante a isenção tributária do produto, o que pode barateá-lo ainda mais”, afirma André.

Benefícios

O ovo possui grandes quantidades de vitaminas A, D, E e do complexo B, o que o torna um bom antioxidante, evitando o envelhecimento precoce e o desenvolvimento de doenças crônicas, como câncer.

Além disso, o alimento possui também minerais como ferro, zinco, fósforo, potássio, manganês e selênio, que ajudam no combate à anemia, fornece energia para o corpo, ajuda na contração muscular, auxilia na absorção de cálcio e ainda fortalece o sistema imunológico.  Ele auxilia na redução dos níveis de colesterol ruim (LDL) e eleva os do colesterol bom (HDL).

Contribuintes com débitos de IPVA e ICMS já podem aderir ao Refis pelo site da Sefaz e conseguir perdão de juros e multas


Está aberto o prazo para adesão ao novo Programa Especial de Parcelamento de Dívidas Tributárias, o Refis. Os contribuintes com débitos do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) contraídos entre janeiro e maio deste ano e do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) 2020 já podem acessar o site da Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz-CE) e refinanciar os valores devidos, com redução de até 100% em multas e juros.

A data limite para aderir ao Refis é 30 de outubro. A iniciativa deve beneficiar, aproximadamente, um milhão de contribuintes, entre empresas e cidadãos.

Cerca de R$ 60 milhões devem entrar nos cofres públicos estaduais. A secretária da Fazenda do Ceará, Fernanda Pacobahyba, ressalta que o Refis é uma oportunidade para os contribuintes regularizarem a situação perante o Fisco.

Fortaleza ganha a décima Célula de Proteção Comunitária


A capital cearense ganha, nesta quarta-feira, 23, mais um importante equipamento de prevenção e combate à violência. Passa a funcionar integralmente  a décima Célula de Proteção Comunitária do Programa Municipal de Proteção Urbana (PMPU), da Prefeitura Municipal de Fortaleza.

A torre de vigilância está localizada no bairro Mondubim, onde os moradores e o comércio passam a contar com segurança proporcionada 24 horas por câmeras, drones e patrulhas em motocicletas e viaturas da Guarda Municipal de Fortaleza (GMF).

Paulo Ricardo pode ser impugnado em Itaitinga


O pré-candidato a prefeito de Itaitinga, Paulo Ricardo pode ficar fora da campanha eleitoral. Ele não apresentou a documentação que comprova domicílio eleitoral.

O Ministério Público Eleitoral encaminhou à Justiça Eleitoral ofício, comunicando a falta da documentação para registrar a candidatura de Paulo Ricardo.

Assembleia realiza Seminário das Bacias Hidrográficas Metropolitanas, nesta quinta-feira, 24


O Seminário Regional das Bacias Metropolitanas acontece nesta quinta-feira, 24, 09, às 14h, de forma virtual, pela plataforma Zoom. Este será o segundo de nove, em uma programação desta etapa do Pacto pelo Saneamento Básico, uma iniciativa da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, por meio do Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos. As Bacias Metropolitanas são formadas pelos municípios de Acarape, Aquiraz, Aracoiaba, Aratuba, Barreira, Baturité, Beberibe, Capistrano, Cascavel, Caucaia, Choró, Chorozinho, Eusébio, Guaramiranga, Fortaleza, Guaiúba, Horizonte, Ibaretama, Itaitinga, Itapiúna, Maracanaú, Maranguape, Mulungu, Ocara, Pacajus, Pacatuba, Pacoti, Palmácia, Pindoretama, Redenção e São Gonçalo do Amarante.

O seminário constará de apresentações por eixo, da realidade dos municípios citados, conforme levantamento feito pela coordenação técnica do pacto e encaminhado em cadernos temáticos aos participantes, que poderão fazer perguntas pelo chat. Os apresentadores são: Marcella Facó, da Secretaria das Cidades, que falará sobre “Abastecimento de Água Potável e Esgotamento Sanitário”; Ênio Girão, da Embrapa, sobre “Saneamento Rural”; Vanessa Lima, da Secretaria das Cidades, sobre “Limpeza Urbana e Manejo de Resíduos Sólidos”; Assis Bezerra, do CREA/Secretaria da Infraestrutura, sobre “Drenagem e Manejo de Águas Pluviais Urbanas”; e Ana Estela de Amorim Fernandes, da Cagece, sobre “Educação Ambiental para o Saneamento”. A moderação é da coordenadora técnica do pacto, Rosana Garjulli, do Conselho.

As Bacias Hidrográficas Metropolitanas têm uma área de drenagem de 15.085 Km², correspondente a 10,18% do território cearense, formada por 16 bacias independentes. Abriga o mais importante centro consumidor de água do Estado, que é a região Metropolitana de Fortaleza (RMF), onde a disponibilidade hídrica é insuficiente para o atendimento da população e suprimento das atividades econômicas. Isso obriga a importação de água de outras bacias, principalmente pelas transposições Jaguaribe / RMF, através do Canal do Trabalhador e do Eixo Castanhão / RMF. Apresenta uma capacidade de acumulação de águas superficiais de 1.325.344.000 m³, num total de 14 açudes públicos, gerenciados pela COGERH.

Os nove seminários apresentarão a realidade das sub-bacias hidrográfica do Salgado, Metropolitanas, Banabuiú, Acaraú, Serra da Ibiapaba e Sertões de Crateús, Coreaú, Curú e Litoral, Médio e Baixo Jaguaribe e Alto Jaguaribe. Serão expostos e discutidos os desafios de cada bacia, por eixos temáticos definidos anteriormente: abastecimento de água potável e esgotamento sanitário; gestão de resíduos sólidos; drenagem de águas pluviais; saneamento rural e educação ambiental para o saneamento básico, visando à universalização destes serviços a toda sociedade cearense. Como resultado da etapa, o documento final será o “Cenário Atual do Saneamento Básico”.

Primeira Casa da Gestante Municipal é entregue nesta quinta-feira, 24


A nova Casa da Gestante do Hospital Distrital Gonzaga Mota (Gonzaguinha Messejana) será entregue para a população nesta quinta-feira (24/09) às 16h. A obra, no valor de aproximadamente R$646 mil, contempla uma área de 311m², em um espaço anexo ao Gonzaguinha de Messejana, hospital com linha de cuidado no atendimento materno-infantil. A solenidade contará com presença do prefeito Roberto Claudio, da secretária de Saúde, Joana Maciel; e da secretária da Regional VI, Darlene Braga.

A estrutura do espaço conta com cinco dormitórios com quatro camas em cada sala, totalizando 20 leitos de repouso, banheiros com acessibilidade, copa, recepção e sala de convivência, além de um consultório com atendimento multidisciplinar com obstetra, neonatologista, nutricionista, enfermeiro e psicólogo. O espaço, que tem como foco o acolhimento de gestantes e puérperas, também possui berços para acolher os recém-nascidos, mantendo-os próximos da mãe após o nascimento.

O espaço acolherá mulheres que precisam de acompanhamento no pré e pós parto, e mães que possuem um recém-nascido na UTI neonatal do hospital. “Todo o espaço foi pensado para que a gestante e o bebê tenham um acolhimento humanizado e digno em todo o seu período de tratamento e acompanhamento no pré e pós parto”, afirma Romel Araújo, Coordenador de Redes Pré Hospitalar e Hospitalar da Secretaria Municipal da Saúde (SMS).

Para ter acesso aos serviços da Casa da Gestante, a usuária deve iniciar o pré-natal em uma das 116 Unidades de Atenção Primária à Saúde (UAPS) do Município e em seguida ser encaminhada para realizar os procedimento de pré-parto no Gonzaguinha da Messejana. A unidade, além de acolher as mães, otimiza os leitos de enfermaria da maternidade e evita complicações no pós-parto.


Linha Materno Infantil Fortaleza

A Rede Materno Infantil da Capital é composta pelos hospitais distritais Gonzaga Mota da Barra do Ceará, do José Walter e de Messejana, além do Hospital Dra Zilda Arns Neumann (Hospital da Mulher) e Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC).

O Hospital Nossa Senhora da Conceição, no Conjunto Ceará, já passou por expansão, com o incremento de 20% dos leitos da Unidade Neonatal de Cuidados, além de sala de PPP (pré-parto/parto/pós-parto), com ampliação de seis para dez leitos de berçário e ampliação de dois para doze leitos de observação das gestantes.

Além do HNSC, a Rede conta com os três Gonzaguinhas (Messejana, Barra do Ceará e José Walter). Na área obstétrica, foram revitalizados 18 leitos do Gonzaguinha de Messejana, além da reforma da coberta e revisão das instalações elétricas e a entrega da Casa da Gestante. O Gonzaguinha da Barra do Ceará também recebeu reforma da coberta e elétrica, além de um novo complexo de emergência do pronto atendimento. A unidade ganhará um novo Centro de Parto Normal, aumentando em quase 60% da capacidade instalada para partos na unidade.

Já o Hospital e Maternidade Dra. Zilda Arns Neumann é um hospital de retaguarda, referência no atendimento às mulheres, com 16 especialidades, entre elas: obstetrícia, ginecologia, endocrinologia, mastologia, neurologia, cardiologia, dermatologia e ortopedia. Faz cirurgias vasculares, oncológicas, plásticas e de cabeça e pescoço. A unidade tem posto de coleta de leite humano, salas de pré-parto e parto normal, alojamento conjunto, berçário, Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal, e leitos para clínica médica e ortopedia.


MPCE alerta sobre risco de a Capital cearense ficar sem locais adequados para jogos de futebol


O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio do Núcleo do Desporto e Defesa do Torcedor (Nudtor), pediu um entendimento único entre Governo do Estado, Federação Cearense de Futebol (FCF) e Prefeitura Municipal de Horizonte para dotar, com urgência, o Estado Domingão de condições para receber jogos de futebol. O objetivo é tornar a praça esportiva uma alternativa viável à Arena Castelão, que tem sofrido com a sobrecarga de jogos, o que pode inviabilizar a continuidade da prática do desporto na Capital.  

Na reunião, realizada por meio de videoconferência nessa terça-feira (22/09), o Nudtor reforçou que, com aval do MPCE, a FCF liberou o Estádio Domingão para a prática de futebol, mesmo com algumas pendências técnicas não impeditivas. Segundo a Federação, a medida foi tomada em virtude da excepcionalidade de jogos sem público devido à pandemia do Novo Coronavírus (Covid-19) e com respaldo na Nota Técnica da Comissão Nacional de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios.  

Quebra de protocolo sanitário em jogo do Brasileirão  

O Nudtor oficiou o Fortaleza Esporte Clube e a Arena Castelão pedindo esclarecimentos sobre suposta quebra de protocolo sanitário no jogo entre o time da Capital e o Sport Club Internacional, válido pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, realizado no último sábado (19/09). Após a partida, um dirigente do clube gaúcho acusou o Fortaleza de ter supostamente permitido a presença de torcedores no estádio – fato também denunciado pelas redes sociais – o que contraria a determinação de jogos com portões fechados em virtude da pandemia. O clube cearense e a administração da Arena têm até dez dias para apresentar informações ao Nudtor sobre o caso.  

Como encaminhamento da videoconferência, o órgão do MPCE também vai encaminhar ofício para colher dados mais técnicos sobre a condição do gramado da Arena Castelão. A reunião contou com a participação do coordenador do Nudtor, promotor de Justiça Edvando França; do membro do Nudtor, promotor de Justiça José Aurélio da Silva; do secretário do Esporte e Juventude do Ceará, Rogério Nogueira; e do coordenador da Arena Castelão, Eduardo Santos.